Adoção do Fred na paraíso VEG

Após longos 5 anos de espera, Fred finalmente ganha um lar e agora deu certo. Ele merece, esse querido!♥♥♥

Final feliz para o Ted. Esse pitbul amoroso que apesar das condições na qual se encontrava enjaulado num espaço mínimo como mostra a foto encontrou um lar super amoroso e agora ama passear de carro:

Frida é uma cadela velhinha que foi abandonada na mata do Centro Pedagógico para morrer há cerca de uns 4-5 anos. A família da Raquel da ong a resgatou e o Hosp Veterinário cuidou. Mas ela não pode ficar na casa da família pq começou a provocar a cadelona deles e poderia se ferir. Veio para a Ong ainda na concórdia, e como não suportava contato físico com outro animal, até mordeu o bob vovô. Ai a Michele irmã da Raquel foi morar sozinha e levou a Frida para morar com ela. Já faz bem uns 3 anos. Olha que gracinha.

Frida

Está é a Mel. Resgatada de um atropelamento numa noite chuvosa, teve a sorte de ser socorrida por uma profa da vet da ufmg. Foi cuidada, passou por uma cirurgia, perdeu uma das perninhas mas não a alegria. Foi castrada, testada e vacinada e veio pra lt na bastadotar. Aí no domingo no campus foi adotada por essa família de uma aluna da vet.
O que mostra que o que o coração vê não é o que falta, mas o que o ser é. Foi assim com a mel.

Esta é a Canela. Ela foi vista pela presidente da ong, correndo enlouquecida pelas ruas próximas ao nosso antigo abrigo, na concórdia, toda ensaguentada. Com ajuda da funcionária e de um voluntário, Canela foi capturada e levada para uma clínica. Havia sido esfaqueada e também estava com um tumor. Foi cuidada, passou por cirurgia para retirada do tumor e castrada. Chegou ao abrigo com muito medo de tudo e de todos, principalmente de homens. Não podia ouvir uma voz masculina que rosnava, queria atacar e fugir. Com tempo e paciência, foi diminuindo o medo, mas nunca aceitou estranhos com facilidade. Depois de quase dois anos no abrigo, Canela foi adotada e tornou-se outra cadela. Essas imagens mostram toda felicidade e alegria que uma família amorosa lhe proporcionou. São histórias como as de Canela que nos dão animo para seguir adiante.

Pedrinho, agora Francisco, adotado em nossa recente feira realizada na VetVogas
Sofia, agora Branca, tem um lar feliz, cheio de amor e muito, mas muiiiitoooo espaço! Ebaaaaaa, essas adoções aquecem nosso coração de esperança!